GP Brasil 1977, um estacionamento chamado Interlagos

O Grande Prêmio do Brasil de 1977, disputado no dia 23 de janeiro no autódromo de Interlagos, prometia ter mais uma vitória de um piloto brasileiro, mas ficou conhecido pela grande quantidade de abandonos.

Largada do GP Brasil 1977 - SS by Romário Jr

O Moco [Brabham] queimou a largada e pulou da quinta para a primeira posição no início da corrida e liderou por oito voltas. Mas a corrida foi marcada mesmo, desde a primeira volta, por problemas mecânicos e acidentes e apenas 7 carros cruzaram a linha de chegada:

  1. Carlos Reutemann [Ferrari] – 40 voltas em 1h45’07″720
  2. James Hunt [McLaren] – 40 voltas em 1h45’18″430
  3. Niki Lauda [Ferrari] – 40 voltas em 1h46’55″230
  4. Emerson Fittipaldi [Copersucar] – 39 voltas
  5. Gunnar Nilsson [Lotus] – 39 voltas
  6. Renzo Zorzi [Shadow] – 39 voltas
  7. Ingo Hoffman [Copersucar] – 38 voltas

Os textos da época comentam isso e esse vídeo termina dizendo que após a corrida haveria muito trabalho para quem fosse retirar os carros quebrados.

 

 

Clique e aproveite estas ofertas de jóias brasileiras no Submarino:

  

Uma resposta

  1. […] o que marcou mesmo essa corrida foi, assim como o GP Brasil de 1977, a grande quantidade de abandonos, nada mais que 19! Isso mesmo, dezenove carros não completaram a […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: